Na tarde de ontem, dia 26 enquanto marchavamos junto aos movimentos populares nos quais estamos inseridos,a Resitência Popular e o Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis,fomos notificados pela direção da Escola Pública Protásio Alves que o contrato de aluguel com a mesma estava suspenso, sob ordens do Governo do Estado do Rio Grande do Sul.Havia uma única condição para mantermos o local, que era apresentar lista com 150 participantes, na qual constasse identidade e CPF, além de cópias de todos os textos que baseariam as intervenções.Não bastasse isto ainda houveram vários episódios de provocação da Polícia Militar durante a marcha, já que estávamos no último bloco e neste haviam de fato setores da classe oprimida, ou seja, pobres.

As Jornadas Anarquistas são uma instância convocada por FAG, FAU e Luta Libertária.está na 3ª edição e sempre tivemos êxito nas edições anteriores,dando a nossas organizações uma projeção muito importante no campo libertário e das esquerdas.

Estamos presentes nas lutas populares no Rio Grande do Sul, através dos Movimentos Sociais onde estamos ou nos solidariezamos.Travamos vários conflitos no nível municipal pela livre circulação dos catadores no centro de Porto Alegre, por coleta seletiva de lixo, por reforma urbana desde os bairros e vilas onde vivemos.No nível estadual por frentes emergenciais de trabalho e mais recentemente em nível federal pela ocupação da Anatel em defesa das rádios comunitárias,na qual houve conflito direto com a polícia federal, rendição de companheiros e um catador preso.

Estamos sendo reprimidos pelo Estado, através de suas estruturas de dominação.Tentam impedir que realizemos as Jornadas Anarquistas, justamente porque propomos na luta cotidiana junto a alternativa libertária para novos tempos de luta.Aplicamos nossa força,nosso compromisso, nossa identidade de classe nas lutas das classes oprimidas.

Estamos suspendendo as atividades no dia de hoje, 27 de Janeiro.

Pedimos a todos os companheiros que pretendem participar que mantenham contato conosco, em nossa banca,que está junto ao poste da CEEE no Acampamento da Juventude.Vamos definir horário e local e estaremos divulgando através de todos os meios de mídia independente.

É certo que as JA se realizem no final de semana, mantendo com certeza o Domingo.

Querem nos desmotivar, querem nos enfraquecer,mas não conseguirão porque o caminho do Socialismo e da Liberdade, por mais longo que possa ser, será alcançado.

NÃO TÁ MORTO QUEM PELEIA!