Os privilegiados dizem que a causa da criminalidade é a impunidade. Estão errados. Ainda que a impunidade seja erradicada, crimes não deixarão de ser praticados. A impunidade é apenas uma consequência do crime. Pode haver crime e não haver impunidade mas não pode haver impunidade sem existir crime.

A principal causa da criminalidade é economica: são as desigualdades sociais. A impunidade é apenas um efeito que, se não combatido, acaba agravando a criminalidade.

Se a nação brasileira decidir combater apenas os efeitos da criminalidade, ou seja, se apenas reduzir a maioridade penal, deixando intactas as suas causas, que são as desigualdades sociais, vai ter voltado suas costas para o futuro. Temos que lutar para erradicar os crimes, não para puní-los.