Os povos indígenas contemporâneos estão espalhados por todo o território brasileiro. Vários desses povos também habitam países vizinhos. No Brasil, a grande maioria das comunidades indígenas vive em terras coletivas, declaradas pelo governo federal para seu usufruto exclusivo. As chamadas Terras Indígenas (TIs) somam, hoje, 592 (conheça sua localização e extensão).

Na Amazônia Legal - que é composta pelos estados do Amazonas, Acre, Amapá, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins, Mato Grosso e parte oeste do Maranhão - vive 60% da população indígena. É possível estimar em cerca de 10 a 15% os índios que vivem em cidades, mas ainda não existe um censo confiável a esse respeito. Saiba quais povos vivem em cada estado brasileiro (quem vive onde).

O reconhecimento das Terras Indígenas por parte do Estado (processo de demarcação) é um capítulo ainda não encerrado da história brasileira (demarcações: 5 últimos governos). Muitas delas estão demarcadas e contam com registros em cartórios, outras estão em fase de reconhecimento; há, também, áreas indígenas sem nenhuma regularização (situação jurídica das TIs hoje). Além disso, diversas TIs estão envolvidas em conflitos e polêmicas.

A expressão genérica "povos indígenas" refere-se a grupos humanos espalhados por todo o mundo, e que são bastante diferentes entre si. Apenas no Brasil, há mais de 200 desses povos (ver quadro geral).

É apenas o uso corrente da linguagem que faz com que, em nosso e em outros países, fale-se em povos indígenas, ao passo que, na Austrália, por exemplo, a forma genérica para designá-los seja aborígines. Indígena ou aborígine, como ensina o dicionário, quer dizer "originário de determinado país, região ou localidade; nativo". Aliás, nativos e autóctones são outras expressões usadas, ao redor do mundo, para denominar esses povos.

O que todos os povos indígenas têm em comum? Antes de tudo, o fato de cada qual se identificar como coletividade específica, distinta de outras com as quais convive e, principalmente, do conjunto da sociedade do país onde está.

:: Definições gerais

Em pleno século XXI a grande maioria dos brasileiros ignora a imensa diversidade de povos indígenas que vivem no país. (quem são). Estima-se que, na época da chegada dos europeus, fossem mais de 1.000 povos, somando entre 2 e 4 milhões de pessoas. Atualmente encontramos no território brasileiro 227 povos (quadro geral), falantes de mais de 180 línguas diferentes. A maior parte dessa população distribui-se por milhares de aldeias, situadas no interior de 593 Terras Indígenas, de norte a sul do território nacional (onde estão). Para o ISA a população indígena no Brasil atual está estimada em 600 mil indivíduos, sendo que deste total cerca de 480.000 mil vivem em suas Terras Indígenas (e, em menor número, em áreas urbanas próximas a elas), enquanto outros 120.000 mil encontram-se residindo em diversas capitais do país. Importante ressaltar que os dados do IBGE (Censo Populacional de 2000) indicaram que a parte da população brasileira que se auto-declarou genericamente como ?indígena? alcançou a marca de 734 mil pessoas, marca, portanto, superior a estimada pelo ISA. Essa discrepância numérica pode ser melhor compreendida acessando o link "diferentes estimativas".

Aqui, você também encontra uma Enciclopédia (em elaboração), com informações sobre cada povo específico que vive no Brasil contemporâneo, e um mapa interativo de todas as Terras Indígenas do país.

Textos introdutórios, fotos, análises, ilustrações, listas e tabelas compõem a seção em que você se encontra [Quem, onde, quantos] e outras: Como vivem, Línguas, Organizações indígenas, Os índios e nós e Direitos. Para saber onde encontrar mais informações sobre povos indígenas (bibliografia, documentos, outros sites, vídeos, CDs), consulte Fontes.

Todo o conteúdo aqui reunido é resultado de mais de 25 anos de pesquisa, iniciada pelo Centro Ecumênico de Documentação e Informação (CEDI), continuada pelo trabalho diário da nossa equipe e apoiada por extensa rede de colaboradores.

Ao apresentar informações atualizadas e qualificadas, 'Povos Indígenas no Brasil' (sub-site do Instituto Socioambiental - ISA) tem o objetivo de contribuir para um maior conhecimento e respeito em relação a essas populações.