A medicina cubana, é super-ultra celebrada pelos líderes vermelhos Tupiniquins. Eles dizem que se trata da melhor medicina do mundo ! Melhor até que a da Suécia ! Isso é pura propaganda, pura lorota. E para ilustrar isso, nada como um depoimento de uma médica brasileira, Dra. Lígia Perez, que tem parentes cubanos.

Segue uma de suas (muitas) estórias verídicas:
.
Meu priminho cubano foi diagnosticado com epilepsia ao completar 3 meses de vida e foi tratado até os 11 anos com drogas anti-convulsivantes por seus medicos em Cuba. Há pouco menos de dois anos conseguiu se reunir a seus pais na Espanha (sim, Castro não permitiu a saida do garoto para reunir-se aos pais por mais de 8 anos - só depois de muita interferência do governo espanhol ele foi "libertado" por Castro), e dentro de um mês após chegar a Madrid ele foi diagnosticado com fenilcetonúria [PKU], que vem a ser um distúrbio metabólico congênito. Se tivesse sido diagnosticado, ou melhor, se tivessem feito o "teste do pezinho" nele ao nascer (exame de rotina em todas as maternidades do mundo), ele não teria deteriorado tanto (está retardado mentalmente). Basta seguir uma dieta, e as sequelas são evitadas, daí a importancia da detecção da doenca ao nascer... [Nota do MHL: é que se chama de Medicina Preventiva - prevenir a doença de se instalar]
.
A pior e mais assustadora parte da estoria é que a maternidade onde o menino nasceu obviamente não realizou o tal teste, mas documentou que o teste havia sido feito! Os pais da crianca são medicos, e em um certo ponto pediram que o teste fosse repetido, e mais uma vez o resultado foi falsificado [e obviamente, deu negativo para PKU] - ou de repente, o prazo de validade dos testes estava expirado em ambas as ocasioes, certo? BELEZA DE PREVENÇÃO, NÃO, "CAMARADAS"?
.
Esta estoria eu não li ou ouvi falar: eu acompanhei por vários anos (meu marido enviava daqui as drogas anti-convulsivantes, já que nem isso eles tinham acesso lá em Cuba) e você não imagina como dói saber que hoje ele poderia ser um menino normal como tantos outros. Hoje, seguindo uma dieta apropriada, ele continua retardado, mas a agitação e agressividade dele diminuiram substancialmente.
.
Cuba é uma farsa, e quem paga são seus cidadãos. E você ainda tem que tolerar ignorantes (que se auto-entitulam de "intelectuais") vomitando elogios a "excelente medicina cubana". Por favor.