Os inimigos do Socialismo Revolucionário estão em ambos os lados do espectro político: à direita, o inimigo que se mostra às claras. E à esquerda, o mais perverso de todos, aquele que vai corroendo o socialismo por dentro, os pseudo-socialistas pós-modernos e hedonistas.

O Estado soviético consolidado nos anos 20 mostrou-se um Estado revolucionário de ótica marxista autêntica,
que tinha transformado-se de uma nação atrasada e agrária em uma superpotência, servindo de exemplo para vários outros países.
Mas não seria possível a realidade soviética se os dirigentes do novo país fossem tolerantes com burgueses travestidos de socialistas,que defendem o consumo de entorpecentes e de excessivo liberalismo sexual, e que são contra a autoridade que emana dos corpos de segurança pública. Desde que bem imbuídos de Espírito Nacional e Revolucionário, as forças policiais e do Estado agem em conjunto com O POVO (bem estruturado através da manutenção da família) para a implantação do Socialismo Revolucionário!

Agentes burgueses infiltrados nas fileiras do Socialismo não só pervertem essa filosofia política como em muitos países tomaram posse do próprio socialismo. No Brasil, TODOS os ditos ''partidos de esquerda'', desde o partido governista até o mais radical dos partidos brasileiros, estão impregnados de jovens - e velhos também - burgueses que não tem nenhum compromisso com o proletariado, e isso também vale para praticamente TODAS as associações políticas e sociais que se revestem de um suposto e arrogante ''socialismo''. Comprometidos muito mais com seus interesses pequeno-burgueses do que com a luta do proletariado e com a construção de um HOMEM NOVO imbuído de Espírito Nacional, acreditam esses pseudo-socialistas que discursos vazios em favor de lamentáveis costumes anti-socialistas e eventuais críticas ao Império de Washington fazem deles autênticos socialistas. Saiam de suas Torres de Marfim
e venham para a realidade do Socialismo Revolucionário!

Quem está comprometido verdadeiramente com as idéias de Marx compreende o verdadeiro propósito do Socialismo. Uma única regra, um único enfoque, uma única realidade humana, uma única moralidade, uma única filosofia de governo! Como infecções em um corpo sadio, os comportamentos pequeno-burgueses devem ser eliminados do Estado Socialista Revolucionário! As diferenças enfraquecem, enquanto união, força e comunhão trazem o desenvolvimento popular.

Uma inconcebível permissividade aos desvios de conduta moral é o que traz a decadência a nações inteiras!

AVANTE SOCIALISMO!