Diz o preâmbulo do Código de Ética do PT:

"No Partido dos Trabalhadores ninguém poderá estar acima das exigências éticas e das decisões democraticamente aprovadas pelas instâncias partidárias. Toda e qualquer
transgressão ética cometida por militantes, dirigentes, parlamentares e governantes petistas deve ser apurada e punida com rigor e transparência pelo próprio Partido. A construção da nossa utopia deve ter a ética como um ponto de partida e de chegada".

Ora, Dirceu, Delúbio e o João Paulo, foram condenados pelo STF, isso implica em uma prova inequívoca de que estes atores transgredirão o Códio de Ética e o PT finge que houve injustiça. Pode se entender que se fosse um "militantezinho" já teria sido pulverizado.

Que PT é esse ?