O gabinete da presidência fica na Avenida Paulista, 2163. A polícia militar já está lá. Os assentados ocuparam o local como forma de protesto contra a liminar que concedeu reintegração de posse à família Abdalla e que determina o dia 15 de dezembro como prazo máximo para que 68 famílias desocupem a área que foi entregue legalmente pelo INCRA, no processo de Reforma Agrária, dentro de todas as especificações legais.