Uma coisa que me revolta nos tempos atuais é o atual avanço da burguesia, oprimindo o proletariado.
Vemos os empresários, cada vez mais ricos, dominando os meios de comunicação, manipulando a população, devorando a consciência coletiva, levando todos a crerem que este estado de coisas é normal.
Não deixemos isto acontecer, vamos lutar contra a elite dominante, mostrar que o poder é do povo, dos trabalhadores, dos comunistas, dos revolucionários.
Percebam que os burgueses dominam a sociedade em todos os seus detalhes, por exemplo, o lixeiro é tão importante quanto o médico, pois o seu trabalho, de manter as ruas limpas, previne que se contraiam doenças, logo, é um absurdo um médico receber mais que um lixeiro.
Mas fica o questionamento acerca deste fato intrigante, e lhes mostrarei como isso se dá, se forem a uma faculdade de medicina, logo vão perceber, carrões, jovens abastados, com roupas caríssimas, planejando viagens, ou seja, eles são filhos da burguesia, da elite opressora.
Então, quando se paga um salário baixo ao lixeiro e se repassa esse montante ao médico, o que acontece é simples, os lixeiros, com seus salários baixos, não fazem o seu serviço com o esmero devido, logo com o lixo residindo nas ruas, as pessoas acabam ficando doentes e indo gastar fortunas com os médicos.
Por isso, coloco aqui, acabem com os médicos, pegue o dinheiro que eles recebem e transfiram para os lixeiros, verão que a higiene melhorará, as pessoas não ficarão mais doentes e não precisarão mais dos médicos.
Vamos lutar contra a burguesia, o poder é do povo, fora o consumo, sem mais futilidades, somente o que é importante, viva a transformação.

Gustavo Moreira
Maricá - RJ