Estamos todos muito bem e agora tudo de buena. Esta foi a segunda atividade deste "estilo" promovida por jundiaienses que se preocupam com a atual situação da Serra do Japi. A primeira do dia 04 de março de 2012 foi linda! Já hoje os aproximadamente 100 caminhantes das águas foram agredidos com violência, spray de pimenta, cacetetes e cachorros, 3 deles detidos e continuamos as conversas na delegacia. O resultado foi um termo circunstanciado registrado na polícia civil e com alguns dos guardas até rolou abraço no final do dia.


Tudo foi um grande momento sem noção, inexplicável sem as clássicas observações sobre o comportamento da guarda municipal, é redundância discutir sobre (será?). Logo mais publicaremos pela internet vídeos e fotos e juntos vamos esclarecendo o que tanto tem sido feito da Serra do Japi :D


O lance é que, realmente, respeitamos mas não fomos respeitados. Ficamos eternamente felizes pela ação prática dos caminhantes, deu gosto vivenciar e ver que NENHUM dos seres que querem as cachoeiras vivas revidou às agressões dos guardas municipais de Jundiaí, não aceitaram a violência como forma de interação - foi massa isso, muito! Somos gratos pelos auxílios docêis aqui do Facebook, dos amigos e das redes socioambientalistas, foi através delas que chegamos aquela cachoeira (em breve in loco) e assim caminharemos, juntos e conectadaços mesmo debaixo de porrada.


Hoje ainda deu pra gente segurar o tranco sozinhos, afinal além da emoção a razão também é nossa. Pedimos que todas as mobilizações de apoio, energia, 'juridicismo' e saberes que tratem de Unidades de Conservação e Direitos Humanos sejam amplamente divulgadas, visando a solução deste ou de outros problemas que enfrentamos no Brasil. Bora aprender muito mais sobre estas coisas. Lembrem-se: água não tem dono.


Acreditamos que os jundiaienses têm demonstrado na prática o quanto é possível fazer junto e no diálogo. Há tantos movimentos de felicidade que de lá ecoam e cá sentimos, que os ocorridos de hoje possam servir de aprendizado e energia para este novo recomeço da adminstração pública local. Força total galera!



Queremos deixar claro que quando algum Jundiaiense precisar é só chamar, vale até telepatia que a conexão é forte nesta nova era. Amigos todos, cuidem-se uns dos outros. Continuamos os esforços.


As águas sempre guiarão nossa caminhada.