No final de 2012 as ações da ETERNIT, dona da SAMA/AMIANTO, cairam 8%. Empresa insiste na qualidade de seus produtos ( segundo matéria abaixo). Porém, dados do Governo mostram que entre 2000/2010 cerca de 2.400 trabalhadores MORRERAM PELA INALAÇÃO DAS FIBRAS DE AMIANTO. Como as doenças ( cancer ) demoram até 50 anos para aparecerem, cre-se que cerca de 100 mil pessoas ainda morrerão em face do pó da morte.

Pois bem.

Quem estaria mentindo : O governo - fatos reais ou a Eternit?

E mais: Com a possibilidade do STF banir o AMIANTO POR DEFINITIVO, no Brasil, quem vai se responsabilizar pela dívida total da SAMA/ETERNIT , que pode chegar , incluindo os crimes/danos ambientais,a cifra de R$. 3.000.000.000,00 - TRES BILHOES DE REAIS?

Vejam por que este valor :

 http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2012/11/514040.shtml


julio c. fortes
Acre

OBS. As matérias ( outros ) estão com seus autores identificados e são de natureza pública.



...................................................


 http://www.redebrasilatual.com.br/temas/saude/2012/08/mortes-causadas-por-amianto-tendem-a-aumentar

 http://www.rico.com.vc/NoticiaInterna.aspx?menuitem=0&section=33&content=139034

Ação da Eternit cai mais de 8% antes de julgamento sobre amianto



fonte: reuters.com





SÃO PAULO, 29 Out (Reuters) - As ações da Eternit ETER3.SA tinham queda de mais de 8 por cento na Bovespa nesta segunda-feira, após o Supremo Tribunal Federal (STF) ter colocado em pauta o julgamento para tratar do uso do amianto crisotila, que responde por cerca de um terço do faturamento da empresa.

Em comunicado ao mercado, a Eternit informou que o STF marcou para o dia 31 julgamento do mérito de "Ações Diretas de Inconstitucionalidade (ADI)" sobre extração, industrialização, utilização e comercialização do asbesto/amianto crisotila (asbesto branco) e de produtos que o contenham.

A Eternit obteve 33,8 por cento de sua receita líquida do segundo trimestre com a venda do mineral crisotila, segundo dados disponíveis no demonstrativo de resultado da companhia, que atua na fabricação de produtos como telhas, coberturas e louças sanitárias.

Às 16h05, a ação da Eternit recuava 8,51 por cento, a 8,92 reais. O giro financeiro era de 4,6 milhões de reais. O papel não faz parte do Ibovespa .BVSP , que tinha queda de 0,66 por cento. Na mínima intradiária, a ação da empresa chegou a ser cotada a 8,75 reais.

No comunicado ao mercado, a Eternit afirmou que "garante a qualidade e a segurança de seus produtos" e disse que espera que sejam consideradas no julgamento "as evidências técnicas e científicas", "não cedendo a pressões de grupos favoráveis ao banimento do amianto crisotila apenas com base na malsucedida experiência europeia."

(Por Danielle Assalve; Edição de Cesar Bianconi)

(( Danielle.Assalve@thomsonreuters.com)(55 11 5644-7757)(Reuters Messaging:  danielle.assalve.thomsonreuters.com@reuters.net))


Outras notícias