O grande espetáculo de roubos velados por papéis frios emitidos.

Apesar do exagero em aulas até o final do mês de janeiro para crianças de 5 a 12 anos, algo que tem causando bastante irritação de pais, que vêem seus filhos, sujeitos ao fracasso de uma rede educacional instável e despreparada organicamente, houve no dia de hoje, 09 de janeiro de 2013, uma reunião para anunciar o dia de término das aulas dos alunos e discussão de formatura com coquetel - coisa de todo o ano, mas o que me leva a escrever sobre isso são as informações que, os professores da Escola Municipal Santa Teresa, do Município de Tefé no Amazonas, que funciona dentro de outra escola chamada Mayara Redman Aziz (puxa saquismo, pois filha do governador Omar Aziz, em visita,o invés de reconhecer o árduo trabalho de pessoas da área da educação municipal local) e relataram demonstrando o que tem sido um abuso do poder público em desvio de verbas da Associação de Pais e Mestres ? APMC, questionado pelos pais nesta reunião quanto a escola ser responsável pela formatura, a partir deste fundo destinado ao evento também.

Segundo os professores da rede municipal de ensino, nenhumas das escolas receberam o incentivo, os mesmos fizeram todo um esforço gigantesco no preparo de toda a documentação da escola, e em seguida foi passado esta mesma documentação pronta para a prefeitura, a qual deveria entrar com a documentação em Brasília, e as suspeitas de que não houve o retorno do incentivo anual em 2012 devido a um desvio deste dinheiro. Não se sabe ao certo quanto à prefeitura deve, por que em período de transição, ainda estão se negando a informações, o que contraria a lei em vigor sobre o livre acesso à informação.

Como se não bastasse, os professores mais uma vez desabafam, sobre as questões de higiene da escola e a compra de material de limpeza da escola citada, pois sai dos bolsos do professores a higienização e compra de material didático, o que pode envergonhar qualquer direção de escola, e conseguimos pensar no superfaturamento de material que deve ter, na mesa da direção geral da SEMED, uma vez que estes não são destinados a escola está só no papel com notas e recibos frios.

Vale ressaltar que a escola não tem 1 ano de uso escolar. E faltam professores, não se realiza concursos e por aí vai.