APÓS "PATINAR" NA SÍRIA NETANYAHU VENCE POR PEQUENA MARGEM ELEIÇÕES EM ISRAEL

Neste dia 22 de janeiro ocorreram as eleições para o Knesset, o parlamento israelense. Como era previsível, venceu o Likud comandado pelo primeiro-ministro Benjamin Netanyahu. O partido do nazi-sionista Netanyahu apresentou-se em uma lista comum com o Israel Beitenu, a legenda ultra-direitista do seu ex-ministro das Relações Exteriores, Avigdor Lieberman, obtendo 31 deputados do total de 120. Para garantir a maioria parlamentar, a coalizão Likud-Beitenu vai ampliar suas alianças com legendas ainda mais direitistas e também planeja cooptar setores de "centro" favoráveis à ampliação dos assentamentos sionistas nos territórios palestinos. Coincidentemente, as eleições no enclave sionista aconteceram poucos dias antes das comemorações no Egito dos dois anos do início da "revolução árabe", cujas manifestações foram brutalmente reprimidas pelo governo da Irmandade Muçulmana. O Egito foi responsável por negociar o acordo entre o Hamas e Israel depois da última ofensiva sionista contra a Palestina em dezembro do ano passado, que deixou mais de uma centena de mortos e consolidou a aproximação do grupo islâmico ao Fatah de Abbas. Como alertamos, quando foi fechado o acordo Israel-Hamas, o Likud saiu-se fortalecido da investida contra a Palestina, debilitando a resistência e criando as condições para um processo de cooptação política e material de um setor do Hamas dirigido por Khaled Meshal. Os resultados das eleições para o Knesset reforçam nossa análise e apontam para dias ainda mais difíceis para o povo palestino, tudo o contrário do cenário apontado pelos revisionistas do trotskismo que venderam a "Primavera Árabe" com um fator de enfraquecimento de Israel. Netanyahu antecipou em nove meses a realização das eleições para obter força em sua investida contra o Irã. Em seu discurso da vitória declarou: "O primeiro desafio foi e continua sendo impedir o Irã de obter armas nucleares".

Leia este artigo na íntegra no BLOG político da LBI:
 http://lbi-qi.blogspot.com.br/

Siga-nos no TWITTER:
 http://twitter.com/LBIQI