GOVERNO FECHA NO RIO ESCOLA PÚBLICA DE EXCELÊNCIA

Chanceladas pela UNESCO, reconhecidas, portanto, internacionalmente como um vasto programa de inclusão social, através da educação, estão sendo fechadas, hoje, no Rio de Janeiro, duas escolas públicas estaduais que, há quase 10 anos, obtém resultados de excelência com índices de empregabilidade superiores a 90%. Estamos falando das EAT's - duas escolas de ensino profissionalizante no campo das artes cênicas em geral, onde se inclui o Carnaval (Escola das Artes Técnicas Luis Carlos Ripper -Mangueira e Escola das Artes Técnicas Paulo Falcão - Nova Iguaçú) que, ao serem atingidas pelo desmantelamento de sua metodologia, através de ato do sr. Presidente da FAETEC, fundação a qual as duas escolas encontram-se vinculadas, não sabem qual será o destino não só dos seus 399 alunos, que no momento frequentam as duas unidades, como os 1.200 alunos inscritos para o ano letivo de 2013.
- A incerteza e a angústia são os sentimentos que prevalecem entre todos nós, alunos, funcionários, professores, coordenadores e direção, já que a "justificativa" apresentada pela Presidência da FAETEC é a de que, ao colocar nossas escolas no PRONATEC (programa do governo federal que prevê somente a formação profissionalizante), não há como manter nossa metodologia de excelência que, contrariamente, contempla a formação integral do homem (saber teórico + saber prático). Ou seja, além de abrirmos mão de toda uma formação cidadã plena (temos em nossos cursos uma grade curricular de treze disciplinas´, como filosofia política, ética, relações humanas, educação ambiental, legislação trabalhista,etc...), vimos nossos cursos, como decorrência, terem sua duração reduzida de um ano para 2 meses, sem a menor necessidade, já que a adesão ao PRONATEC não requer, necessariamente, desmantelar uma escola de referência - diz o prof. Jean Bodin, Coordenador Pedagógico do turno da noite da EAT Luis Carlos Ripper.

ATO PÚBLICO DE DESAGRAVO

Com a presença de artistas, técnicos, jornalistas, políticos, organizações e associações da sociedade civil organizada, além dos quase quatro mil (ex)alunos, formados pelas duas EAT's, e demais cidadãos comprometidos com a educação brasileira de qualidade, acontecerá dia 18 de fevereiro próximo, às 10hrs da manhã, um ato público de desagravo ao fechamento das duas unidades, através do desmantelamento de sua metodologia inédita, que acontecerá nas dependências da EAT Luis Carlos Ripper,
situada a Rua Visconde de Niterói, 1364 - bairro de Mangueira. Este convite se estende a todos aqueles que se sintam comprometidos com os destinos da educação em nosso Estado, complementa o coordenador Bodin.


ALGUMAS OPINIÕES A RESPEITO  http://sujeitopolitico.blogspot.com.br/

Contatos: 2334 1771/ 23341770/ 77011449/ 99442562
 eatlcripper@ig.com.br
 eatpaulofalcao@ig.com.br